Narrativa Transmídia

O universo da narrativa transmídia ou transmedia storytelling vem conquistando a cada dia, mais espaço na mídia. Várias palestras e estudos vêm sendo realizados para entender esse fênomeno que não é recente, mas graças às novas tecnologias que permite uma maior interatividade com o público está ganhando novos contornos.

Histórias que se desenrolam em múltiplas plataformas de mídia, assim pode ser definido o termo criado por Henry Jenkins, professor do Massachusets Institute of Technology. E os primeiros passos já estão sendo dados no campo jornalístico. Grandes empresas como Globo e CNN se preparam para esta nova possibilidade através de workshops. Em palestra recente no Projac, um dos pesquisadores pioneiros do Transmídia, Jeff Gomez, falou de sua colaboração no filme Avatar (2010) e explicou de que forma essa narrativa pode ser aplicada ao jornalismo.

Alex Rabelo

Copa do Mundo 2010

Foi-se o tempo da dúvida no futebol. O que antes ganhava a eternidade por naquele momento ser inexplicável, hoje é dissecado mediante ao raio x completo das mais de cem câmeras espalhadas no estádio. É possível ver um decote generoso, uma lágrima quase que imperceptível nos olhos marejados pela tristeza da derrota. Ou o solitário torcedor com sua bandeira enrolada e as mãos atadas não por punição, mas sim agradecimento a Deus pela vitória. Dentro do campo percebemos que os juízes são humanos e erram muito mais do que supúnhamos. Uma falta marota ou uma cotovelada na lente pequena se torna gigante aos olhos do mundo. E a bola?Entrou ou não entrou?Não importa. Ela agora tem nome e continua obedecendo quem a trata com carinho. Mesmo que seja com os pés.

Bem…não assisto mais futebol como assistia com meu pai. Ainda gosto, o frescor está lá, mas alguma coisa está fora da ordem. Muitas regras, muitos patrocínios, campeonatos inchados por times que muito mal disputariam a “pelada ” aqui da rua, jogadores no limite físico para justificar o salário astronômico que não paga a dor que sente em uma lesão. Talvez pague o tratamento…mas não te faz ser o que era. Acredito que o futebol será muito mais marketing, como já é, do que um esporte que um dia encantou pela plasticidade das jogadas de seus atletas. Infelizmente estas ficarão em segundo plano.

Alanna Zago

Copa do mundo e os erros de arbitragem

     O mundo espera de quatro em quatro anos o espetáculo da copa do mundo. Este anos não foi diferente, as pessoas tem torcido, parado o comércio e mudando a rotina da vida para acompanhar os jogos em campo. Neste mesmo viés as novas tecnologias também são um ponto a ser considerado pois tem permitido a grande massa ver os jogos com clareza e alta definição de detalhes.

     Em contrapartida estas mesmas tecnologias vem complicando a vida de muitos juízes pois também contribui para mostrar imediatamente os erros primários cometidos pela arbitragem despreparada para aptar jogos de grande expressão como os da copa.  Com erros tão graves a decisão final da arbitragem esta influenciando os jogos, prejudicando muitos times, ao ponto de se desequilibrarem e causar até desentendimento em campo.   Vamos torcer para que esses erros não prejudiquem o Brasil no jogo de sexta-feira, pois ainda estamos na competição e queremos o Hexa!!!!!

Confira os erros de arbitragem:
Confira os erros de arbitragem:

Denise Mendes

Jornalismo de Guerra

 
Notícias nas áreas em conflitos
 
 
O jornalismo de guerra atualmente tem a ver com as mais variadas regiões onde existem conflitos humanos, não necessariamente uma guerra. O importante em uma cobertura de guerra é conciliar segurança com qualidade de notícia. O jornalista neste momento tem o dever de informar com precisão. Demonstrar a verdade e ao mesmo tempo ser ético nas questões humanas.
 
Em áreas de conflitos o jornalista precisa escolher bem qual o melhor foco da notícias para não transformar um conflito em uma grande espetacularização ou apenas ridicularizar os fatos. A prioridade é entender as reais causas e explicar aos espectadores o real motivo por que acontece tal conflito e não apenas maquear as situações. As análises superficiais dos fatos podem ao mesmo tempo prejudicar uma determinada parte do conflito ou evidencias positivamente o outro lado.
 
O jornalismo em áreas de conflitos devem servir para conscientizar as populações de que as guerras não fazem sentido algum ao bem estar das pessoas. Além de desimar centenas de habitantes, prejudica o meio ambiente trazendo consequências gravíssimas para o continuismo da vida na Terra. Ser jornalista de guerra requer sabedoria e sobretudo humanidade.

Foto: Carolina Alzei

 
 
Denise Mendes e Alanna Zago.  
 

Quando o difícil se torna fácil

Terminou agora o segundo dia da semana de  Comunicação da Unipac. Hoje começaram os mini cursos com duração de  3 dias: “Produção de vídeo” com o jornalista graduado pela UFJF, mestre em Educação pela UFJF e especialista em Marketing Eduardo Sérgio Leão de Souza; “Jornalismo em área de conflito”com o graduado pela UFJF, pós graduado pela Universidade de Barcelona e jornalista da Tv Panorama Luciano Teixeira;”Novas ferramentas em assessoria de imprensa” com o jornalista graduado pela Unipac e pós graduado em comunicação empresarial pela UFJF, especialista em Novas tecnologias e editor do portal Isaude.net Oberdan Leite Cosme e ainda a exposição “Trabalhos do curso” no laboratório de fotografia.

A equipe do blog Cibercultura acompanhou de perto a primeira aula do mini curso de “Produção em vídeo”. O mestre Leão usou de toda sua experiência em marketing para vender o seu produto e acabou bem sucedido. O tempo, mesmo escasso, não foi vilão de uma apresentação que beirou a perfeição. Uma lista de filmes foi sugerida para degustação e apuração do senso crítico, roteiros foram analisados superficialmente e a sétima arte teve sua história dissecada e desnudada em pouco mais de  duas horas e meia. Pode -se dizer que o cinema esteve bem representado e o difícil…tornou – se fácil. Mesmo passado um tempo pós evento…ainda ecoa na mente frases como ” o mercado quer o profissional generalista” ou ” nunca temam nada, o que tiver que fazer façam”.

Amanhã os alunos inscritos no mini curso roteirizam, gravam e editam um pequeno filme sobre a alegria do brasileiro com a copa do mundo e a tristeza com o trabalho. Na quinta feira o trabalho será exibido na sala 318 da Universidade Presidente Antônio Carlos. Vamos torcer para que o filme vá para o youtube

Foto Divulgação/ Google

Alex Rabelo

P.s: Postado aos 38 minutos do dia 9 de junho por motivos pessoais.

Semana de Comunicação na Unipac JF

E começou a pouco mais de duas horas, a 9º semana de Comunicação da Universidade Presidente Antônio Carlos no auditório da Cemig, com uma mesa redonda falando sobre “Tv no Brasil e o pioneirismo de Juiz de Fora”. Nesta edição, diferente das demais, o encerramento do evento no dia 11 de junho contará com um show de humor do ex aluno e ator da Compania Putz Bruno Fonseca. Até lá uma série de oficinas na própria faculdade e palestras dão a tônica dessa semana tão importante para os alunos de humanas.

Com o tema ” 60 anos de tv no Brasil”, a Unipac vai receber em suas salas e laboratórios, jornalistas que vão discorrer sobre o jornalismo em zona de conflito até as novas ferramentas usadas na assessoria de imprensa, passando pela produção de vídeo. Uma ótima opção para os alunos do 5º , 7 ºe 8º períodos nessa semana fria de Juiz de Fora. Fique por dentro de tudo que rola na semana de Comunicação da Unipac acessando diariamente nosso blog. 

Foto Divulgação

Alex Rabelo

Você conhece o Glee?

Uma das séries mais comentadas de 2009 voltou em grande estilo após 4 meses de pausa nos Estados Unidos. Com um número superior a 13 milhões de telespectadores, “Glee” obteve 5 milhões a mais que sua média habitual. Aqui no Cibercultura você se diverte com um sucesso da Madonna numa versão especial ” Glee”. 

Exibido no Brasil na tv paga Fox e em breve na aberta via Rede Globo, o seriado faturou  o Globo de Ouro de melhor comédia ou musical neste ano. A história de alunos poucos populares de uma escola secundária americana vem provocando euforia em todo o mundo.

Fonte: blogisalosinggame.wordpress.com

 Denise Mendes

Os Vingadores

 Você é fã do Capitão América, Homem de Ferro, Thor e Incrível Hulk ? Sim? O grupo de elite que reúne os principais super – heróis da Marvel Comics está de volta. E pela primeira vez em um mesmo filme. Vem aí: Os Vingadores. As filmagens estão marcadas para 2011. Enquanto isso… veja do que é capaz o Homem de ferro, em sua segunda incursão na telona.

A única dúvida é se Edward ” Hulk ” Norton irá participar. Já que é quase certa a presença de Robert ” Homem de Ferro” Downey Jr., Chris ” Capitão América” Evans e Chris ” Thor” Hemsworth. Aos desavisados de plantão, Homem de Ferro 2 estréia em Maio no Brasil, Thor está sendo rodado no Novo México e Capitão América inicia as filmagens no meio do ano na Inglaterra.

Divulgação: observatoriodanet.wordpress.com

Alanna Zago

Marketing de qualidade

O seriado House, um dos mais vistos em todo o mundo, vai promover um produto para a empresa Canon. A câmera  5D Mark II filmou todo o episódio final da sexta temporada. A idéia é mostrar que a câmera, além de tirar fotografias em alta resolução, é capaz de filmar com uma qualidade muito alta. A confirmação foi dada pelo diretor do programa, Greg  Yaitanes, pelo seu twitter.

Divulgação: metropolitician.blogs.com

 O seriado é exibido todas ás quintas no canal por assinatura Universal Channel.O ator Hugh Laurie, que vive o médico nada convencional da trama, desempenha o papel de Gregory House desde 2004. Hugh é inglês mas interpreta um americano beirando a perfeição. Pelo papel já faturou dois Golden Globe Awards.

Alex Rabelo

Lady Gaga lança vídeo em seu site

Com a participação de Beyoncé, o vídeo “Telephone ” foi lançado no site da cantora Lady Gaga. Até o momento, mais de meio milhão de pessoas já assistiram ao clipe.

A cantora, que é bastante conhecida por suas performances extravagantes, figurinos sensuais e apresentações marcantes aparece junto à Beyoncé segurando armas de brinquedo e dançando provocantemente. O vídeo tem um forte apelo sexual. Clique aqui e ouça um sucesso do álbum ” The Fame Monster”.

Será Lady Gaga a nova Madonna?

 

Denise Mendes